Make your own free website on Tripod.com

 

 

 

 

 

.

 

ESN de ESTUDOS [rosh]: NUMA LINGUAGEM ATUAL, A ESN - Escrituras Sagradas segundo o Nome - É A VERSÃO DE ESTUDOS DA TRADICIONAL ESN [PADRÃO]. VISANDO, PRINCIPALMENTE AO CRESCIMENTO ESPIRITUAL DO ROSH [LÍDER CONGREGACIONAL] ELA PODE E DEVE SER USADA POR AQUELES QUE QUEREM APRENDER MAIS E ASSIM, LIVRAR-SE DE ERROS DOUTRINAIS PRESENTES NAS MAIS DIVERSAS DENOMINAÇÕES; TODAS CONCORRENTES À KEHILÁH QUE O PRÓPRIO YAOHUSHUA hol'MEHUSKHÁY FUNDOU - MT 16:18. NESTA VERSÃO. TODOS OS NOMES - PRINCIPAIS - ESTÃO NA FORMA ORDINÁRIA JUNTAMENTE COM O HEBRAICO ARCAICO [TRANSLITERADO], ENQUANTO QUE OS MENOS USUAIS, APENAS EM SUA FORMA TRANSLITERADA  ...

EXEMPLO: Samuel/Shamu'ul

Jerusalém/Yaosho'ua-oléyn

 

ALÉM DISTO, NAS NOTAS DE RODAPÉ [VEJA ABAIXO] TAIS NOMES ESTÃO APENAS NA SUA FORMA ORDINÁRIA, FACILITANDO O ENTENDIMENTO POR AQUELES QUE ESTÃO TOMANDO O PRIMEIRO CONTATO COM A SÃ DOUTRINA!

DIMENSÕES: A5 [0.15 X 0.21 - 710 páginas; impressão digital]

ENCADERNAÇÃO: Percalux flexível, Preto; gravação a prata.

PREÇO:

LANÇAMENTO ESTIMADO PARA MAIO/2013

 

 

 

COMPRAR

 VOLTAR

 

UMA PEQUENA AMOSTRA...

As origens do mundo e da humanidade

A CRIAÇÃO E A QUEDA

Bereshit 1

Primeiro relato da criação 1No princípio, ULHIM criou[1] o céu e a terra.2Ora, a terra estava vazia e vaga, as trevas cobriam o abismo, e um vento[2] de ULHIM pairava sobre as águas. 3UL disse: "Haja luz" e houve luz. 4UL viu que a luz era boa, e ULHIM separou a luz e as trevas. 5UL chamou à luz "dia" e às trevas "noite". Houve uma tarde e uma manhã: primeiro dia[3]. 6UL disse: "Haja um firmamento no meio das águas e que ele separe as águas das águas", e assim se fez. 7UL fez o firmamento, que separou as águas que estão sob o firmamento das águas que estão acima do firmamento, 8e ULHIM chamou ao firmamento "céu". Houve uma tarde e uma manhã: segundo dia. 9UL disse: "Que as águas que estão sob o céu se reúnam numa só massa e que apareça o continente" e assim se fez. 10UL chamou ao continente "terra" e à massa das águas "mares", e ULHIM[4] viu que isso era bom. 11UL disse: "Que a terra verdeje de verdura: ervas que dêem semente e árvores frutíferas que dêem sobre a terra, segundo sua espécie, frutos contendo sua semente" e assim se fez. 12A terra produziu verdura: ervas que dão semente segundo sua espécie, árvores que dão, segundo sua espécie, frutos contendo sua semente, e ULHIM viu que isso era bom. 13Houve uma tarde e uma manhã: terceiro dia. 14UL disse: "Que haja luzeiros no firmamento do céu para separar o dia e a noite; que eles sirvam de sinais, tanto para as festas quanto para os dias e os anos; 15que sejam luzeiros no firmamento do céu para iluminar a terra" e assim se fez. 16UL fez os dois luzeiros maiores: o grande luzeiro para governar o dia e o pequeno luzeiro para governar a noite, e as estrelas. 17UL os colocou no firmamento do céu para iluminar a terra, 18para governarem o dia e a noite, para separarem a luz e as trevas, e ULHIM viu que isso era bom. 19Houve uma tarde e uma manhã: quarto dia[5]. 20UL disse: "Fervilhem as águas um fervilhar de seres vivos e que as aves voem acima da terra, sob o firmamento do céu" e assim se fez. 21UL criou as grandes serpentes do mar e todos os seres vivos que rastejam e que fervilham nas águas segundo sua espécie, e as aves aladas segundo sua espécie, e ULHIM viu que isso era bom. 22UL os abençoou e disse: "Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a água dos mares, e que as aves se multipliquem sobre a terra" 23Houve uma tarde e uma manhã: quinto dia. 24UL disse: "Que a terra produza seres vivos segundo sua espécie: animais domésticos, répteis e feras segundo sua espécie" e assim se fez. 25UL fez as feras segundo sua espécie, os animais domésticos segundo sua espécie e todos os répteis do solo segundo sua espécie, e ULHIM viu que isso era bom. 26ULHIM disse: "Façamos o homem à nossa imagem, como nossa semelhança, e que eles dominem sobre os peixes do mar, as aves do céu, os animais domésticos, todas as feras e todos os répteis que rastejam sobre a terra". 27UL criou o homem[6] à sua imagem, à imagem de ULHIM ele o criou, homem e mulher ele os criou. 28UL os abençoou e lhes disse: "Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra[7]. e submetei-a; dominai sobre os peixes do mar, as aves do céu e todos os animais que rastejam sobre a terra." 29UL disse: "Eu vos dou todas as ervas que dão semente[8], que estão sobre toda a superfície da terra, e todas as árvores que dão frutos que dão semente: isso será vosso alimento. 30A todas as feras, a todas as aves do céu, a tudo o que rasteja sobre a terra e que é animado de vida, eu dou como alimento toda a verdura das plantas" e assim se fez. 31ULHIM viu tudo o que tinha feito: e era muito bom. Houve uma tarde e uma manhã: sexto dia.

 

Bereshit 2

1Assim foram concluídos o céu e a terra, com todo o seu exército. 2UL concluiu no sétimo dia a obra que fizera e no sétimo dia descansou, depois de toda a obra que se fizera. 3UL abençoou o sétimo dia e o santificou, pois nele descansou depois de toda a sua obra de criação. 4aEssa é a história do céu e da terra, quando foram criados.

 

A experiência da liberdade

O paraíso4bNo tempo em que o ETERNO[9] ordenou que se fizesse a terra e o céu, 5não havia ainda nenhum arbusto dos campos sobre a terra e nenhuma erva dos campos tinha ainda crescido, porque UL não tinha feito chover sobre a terra e não havia homem para cultivar o solo. 6Entretanto, um manancial subia da terra e regava toda a superfície do solo. 7Então UL modelou o homem com a argila do solo, insuflou em suas narinas um hálito de vida[10] e o homem se tornou um ser vivente[11]. 8Ul plantou um jardim em Éden, no oriente, e aí colocou o homem que modelara. 9Ul fez crescer do solo toda espécie de árvores formosas de ver e boas de comer, e a Árvore da Vida no meio do jardim, e a árvore do conhecimento do bem e do mal. 10Um rio saía de Éden para regar o jardim e de lá se dividia formando quatro braços. 11O primeiro chama-se Fison; rodeia toda a terra de Hévila, onde há ouro; 12é puro o ouro dessa terra na qual se encontram o bdélio e a pedra de ônix. 13O segundo rio chama-se Geon: rodeia toda a terra de Cuch. 14O terceiro rio se chama Tigre: corre pelo oriente da Assyria. O quarto rio é o Eufrates[12]. 15Ul tomou o homem e o colocou no jardim de Éden pára o cultivar e o guardar. 16E UL deu ao homem este mandamento: "Podes comer de todas as árvores do jardim. 17Mas da árvore do Conhecimento do bem e do mal não comerás, porque no dia em que dela comeres terás que morrer. 18Ul disse: "Não é bom que o homem esteja só. Vou fazer uma auxiliar que lhe corresponda."19Ul modelou então, do solo[13], todas as feras selvagens e todas as aves do céu e as conduziu ao homem para ver como ele as chamaria: cada qual devia levar o nome que o homem lhe desse. 20O homem deu nomes a todos os animais, às aves do céu e a todas as feras selvagens, mas, para o homem, não encontrou a auxiliar que lhe correspondesse. 21Então UL fez cair um torpor sobre o homem, e ele dormiu. Tomou uma de suas costelas[14] e fez crescer carne em seu lugar. 22Depois, da costela que tirara do homem, UL modelou uma mulher e a trouxe ao homem. 23Então o homem exclamou: "Esta, sim, é osso de meus ossos e carne de minha carne! Ela será chamada 'mulher', porque foi tirada do homem!" 24Por isso um homem deixa seu pai e sua mãe, se une à sua mulher, e eles se tornam uma só carne[15]. 25Ora, os dois estavam nus[16], o homem e sua mulher, e não se envergonhavam.

 

Bereshit 3

A queda1A serpente[17] era o mais astuto[18] de todos os animais dos campos, que UL tinha feito. Ela disse à mulher: "Então UL disse: Vós não podeis comer de todas as árvores do jardim?" 2A mulher respondeu à serpente: "Nós podemos comer do fruto das árvores do jardim. 3Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, UL disse: Dele não comereis, nele não tocareis[19], sob pena de morte." 4A serpente disse então à mulher: "Não, não morrereis! 5Mas UL sabe que, no dia em que dele comerdes, vossos olhos se abrirão e vós sereis como deuses, versados no bem e no mal." 6A mulher viu que a árvore era boa ao apetite e formosa à vista...


 

[1] CRIOU – Em toda Tanak [VT], os hebraicos não distinguem o Criador [UL]. Para eles, TUDO é YHWH! Porém, segundo as revelações de João/Yaohukhánan, no NT [a Aliança Renovada em Yaohushua], por deferência do PAI, o Filho é o Criador – Jo 1:1-3, 14; Hb 1:1. Ao ler o VT, tenha sempre por base Jo1:18 – Ninguém jamais viu ao Pai!

[2] VENTO – A palavra hebraica [rúkha] sempre foi traduzida como vento ou essência! No NT, sobre as influencias do paganismo, adotou-se rúkha, numa referência à uma “personalidade” distinta!

[3] DIA - Observe que no princípio haviam trevas; depois fez-se LUZ e, portanto, desde o princípio o dia começa ao pôr-do-sol [18:00hs] e não pela manhã ou à meia-noite...

[4] ULHIM – Aqui temos um superlativo de UL [Criador] e geralmente faz referência ao PAI [YHWH]. O Filho [UL] fazia e o Pai [Abi] [ULHIM] aprovava...

[5] QUARTO DIA – Há quem ensine que “cada dia” teve a duração de um milênio... Sendo assim, as plantas, criadas no terceiro dia ficaram sem fazer a fotossíntese – essencial para a sua sobrevivência – por mil anos, uma vez que o SOL só foi criado [mil anos para fazê-lo] no quarto dia!

[6] HOMEM – Yaohushua fez o ser humano...

[7] TERRA – O ser humano e toda a criação foram destinados à Terra [Sl 115:16]. Qualquer coisa diferente disto – moradas no Céu – representaria que o ETERNO errou [TG 1:17] ao criar o se humano para habitar a Terra!

[8] SEMENTES – Um alerta contra os alimentos transgênicos uma vez que estes deixam de produzir sementes férteis.

[9] O ETERNO [YHWH] - Aqui temos pela primeira vez a presença do TETRAGRAMA. Nesta versão (ESN COMENTADA), o Nome do Pai [Abi] ou será escrito em sua forma transliterada [YAOHUH] ou segundo o título que melhor O descreve – Tm 6:16.

[10] HÁLITO DE VIDA [SOPRO] – Uma porção do Seu rúkha [o fôlego de vida] passou ao ser humano e a partir daí, o ser humano – assim como toda criatura viva – passou a ter o poder de gerar vida!

[11] ALMA VIVENTE - Os Hebreus jamais tinham uma idéia de uma vida imortal [uma vida além desta vida terreal]. Seres humanos, como os animais do campo, são feitos de “pó da terra” e na morte eles retornam ao pó (Gn 2:7; 3:19). A palavra hebraica Nephesh, tradicionalmente traduzida por “vida viva”, é mais adequado, portanto, ser compreendida como “criatura vivente” e é a mesma para todas as criaturas viventes e nãos se refere a nada imortal... Ec 3:19-20.

[12] ...EUFRATES – Tais rios delimitariam a região – Éden – onde hoje estaria Israel [entre a Mesopotâmia, norte da África e Sul da Turquia] e, profeticamente, a Terra ao ser restaurada terá como centro mundial das nações, Jerusalém – Ez 5:5.

[13] DO SOLO – Veja, não só o homem fora feito do “pó da terra”, mas toda a vida animal.

[14] COSTELAS – Literalmente “lado”. Geneticamente igual ao homem, porém com as diferenças do sexo.

[15] UMA SÓ CARNE – Um símbolo da união entre o homem e a Igreja, onde ‘pai e mãe’ representariam o ‘mundo’!

[16] NUS – Isto é, perderam a sua glória (pureza).

[17] SERPENTE – Isto é, Lúcifer! Ap 12:5, 9-11.

[18] ASTUTO – Aqui tem um sentido pejorativo onde a maldade predomina.

[19] NÃO TOCAREIS – Nem mesmo tocar, quanto mais comer. O “fruto” representava as leis do ETERNO que quando transgredida, leva à morte!

 

 

 

OUTROS LANÇAMENTOS:

EDIÇÃO JOVEM [A5 /15 x 21cm] R$   88,00 + frete
LETRA GRANDE [B5/18 x 25cm] R$ 126,00

+ frete

LETRA GIGANTE [A4/Púlpito] R$ 139,00 + frete
ESTUDOS ESCRITURÍSTICOS R$   86,00 + frete
HINÁRIO - Adventus R$   37,00 + frete
HINÁRIO - A Harpa Yaoshoul'ita

R$   39,00

+ frete
LIÇÃO TRIMESTRAL: Adulto R$     6,60 + frete
LIÇÃO TRIMESTRAL: Jovem P&B R$     7,80 + frete
LIÇÃO TRIMESTRAL: Jovem Color R$   11,90 + frete
CURSO de DOUTRINAS p/PG R$     4,80 + frete
CURSO de PROFECIAS p/PG R$     7,50 + frete
FOLHETO o NOME - cento R$   18,00 + frete
FOLHETO o NOME - milheiro R$ 150,00 + frete
CD-ROM [ESN Padrão] - Aguarde [revisão]! R$   68,00 + frete
ESN - Edição de Estudos

BREVE!!!

ESN - Edição em Inglês

AGUARDE

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.